Últimas Notícias

19/10/2017

Cade deve dar mais prazo para Nestlé vender marcas

Cade deve dar mais prazo para Nestlé vender marcas
O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) deve conceder mais prazo para a fabricante de alimentos suíça Nestlé se desfazer de um pacote de ativos no Brasil, em sessão que será realizada nesta quarta-feira (18/10).A venda é parte das exigências da autoridade antitruste para acabar com o litígio em torno da compra da Garoto pela multinacional, que se arrasta na Justiça desde o início da década passada.

A concessão de mais tempo para cumprir o compromisso foi antecipada pelo jornal "O Globo". A compra da Garoto pela Nestlé foi fechada em 2002 e na época a operação poderia iniciar sem a aprovação do Cade (a nova lei, de 2012, pede o aval prévio da autarquia para esse tipo de transação). O problema é que quando analisou o caso, a autoridade antitruste vetou o negócio. Para viabilizar a junção das duas empresas, a Nestlé foi à Justiça.

No ano passado, Cade e Nestlé chegaram a um acordo para acabar com a disputa judicial e, para cumpri-lo, a fabricante precisa vender uma série de marcas, incluindo Serenata de Amor, Lollo, Chokito e Sensação, para um concorrente médio ou pequeno, mas vem encontrando dificuldades.

A Garoto teve prejuízo líquido de R$ 22,7 milhões no ano passado, após ter lucrado R$ 35,8 milhões em 2015. A receita líquida subiu 4,8%, para R$ 1,5 bilhão.


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2017 - Todos os direitos reservados