Últimas Notícias

22/04/2022

Desempenho das vendas do GPA, Carrefour e Assaí no 1º tri sugere diferentes mome

Três das maiores redes do varejo alimentar - GPA, Carrefour e Assaí - divulgaram seu desempenho preliminar em vendas referentes ao primeiro trimestre deste ano.Os números sugerem momentos distintos de cada uma. 

No caso do GPA, o período foi marcado pela transição da operação no Brasil, com a saída do formato de hipermercados e a adaptação dos demais modelos ao novo momento da empresa.  

O faturamento bruto do GPA Brasil, no perímetro continuado, excluindo postos, somou R$ 3,8 bilhões, em linha com os três primeiros meses de 2021, impactado por um efeito pontual na ruptura, explicado pelo momento de ajuste na malha logística após os fechamentos dos hipermercados Extra Hiper.

Mesmo com um cenário macroeconômico desafiador, queda de venda do mercado no segmento premium e mudanças operacionais ocasionadas pelos ajustes necessários à transformação do Novo GPA, a bandeira Pão de Açúcar ficou em linha com o mesmo período de 2021. Neste primeiro trimestre de 2022, mesmo com o fechamento de todos os Extra Hiper, a penetração de vendas online total foi de 9,9%, e a venda do e-commerce totalizou R$ 369 milhões, um crescimento de 44% ante o primeiro trimestre de 2021, excluindo as vendas dos hipermercados que foram descontinuados.

Já o  Carrefour Brasil  continua tendo o crescimento de vendas puxado sobretudo pelo formato de atacarejo, com a operação de varejo sofrendo mais a conjuntura econômica. Para se ter uma ideia, no  Atacadão.  As vendas brutas cresceram 18,6%, atingindo R$ 15 bilhões. Em mesmas lojas, a alta foi de 9,2% de 1º Tri, excluindo efeito calendário de -0,7%. No período foram inauguradas duas lojas e existem sete em construção. A expansão contribuiu com avanço de 9,7% para o faturamento. 

O Carrefour Varejo, por sua vez, apresentou expansão abaixo do cash & carry, com aumento de 4,8% nas vendas brutas, atingindo R$ 5,7 bilhões. Mesmo assim, a companhia considerar o percentual como um avanço de " um dígito alto". Segundo comunicado, nos três primeiros meses do ano, houve, no formato de hopermercados, ganho de 1,7 ponto percentual no NPS (que mede a satisfação dos consumidores). As categorias bazar e têxtil retomaram o crescimento nas lojas físicas.

O Assaí Atacadista , por sua vez, continua avançando e em plena expansão. Registrou forte aceleração do faturamento bruto, atingindo R$ 12,5 bilhões, um incremento de R$ 2,1 bilhões ante o mesmo período de 2021.  As receitas líquidas somaram R$ 11,4 bilhões, avanço de 21,1%. De acordo com a empresa, essa evolução reflete a alta performance das 32 lojas inauguradas nos últimos 12 meses, cujo crescimento foi de 15,4%.

Já no conceito mesmas lojas mesmas lojas avançou 6,7% no período, com progressão ao longo do trimestre e o crescimento duplo-dígito no acumulado de fevereiro e março, mesmo diante da forte base de comparação (+11,2%) e persistência dos movimentos de trade down dos consumidores.

Das 10 lojas orgânicas previstas para 2022, quatro foram inauguradas entre janeiro e março deste ano e seis lojas estão em fase de obras. O avanço do processo de conversão de hipermercados: 60 pontos comerciais já em posse do Assaí, localizados em regiões centrais, maduras e adensadas de grandes capitais e cidades referência.

Cerca de 40 lojas, com previsão de abertura a partir do 2º semestre de 2022, já estão em fase de obras.


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2022 - Todos os direitos reservados