Últimas Notícias

20/12/2021

Excesso de produtividade pode ser prejudicial à carreira e à vida

Ao contrário do que algumas pessoas pensam, o excesso de trabalho pode prejudicar a carreira e a vida. Com o home office verificou-se que o excesso de trabalho passou a ser ainda mais glamourizado. De acordo com o consultor londrino de lideranças e negócios, Greg McKeown, em seu livro “Essencialismo: A Disciplinada Busca por Menos”, o mais importante é fazer melhor, não fazer mais. 

Com a pandemia e a adesão ao home office, o excesso de trabalho ficou ainda mais freqüente. Levantamento feito pela plataforma Capterra, mostra que sete em cada dez pessoas tiveram algum sintoma de burnout desde que começaram a trabalhar em casa. Outra pesquisa, está do Instituto Ipsos, identificou que 53% dos brasileiros declararam que seu bem-estar mental piorou no último ano. 

Não à toa, especialistas em carreira passaram a falar sobre produtividade tóxica, que acontece quando o profissional tem a sensação de que precisa, o tempo todo, fazer algo considerado produtivo. Isso significa, por exemplo, trabalhar mais horas do que antes, estar constantemente conectado, usar todos os períodos livres para produzir e deixar de almoçar para participar de uma reunião. 


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2022 - Todos os direitos reservados