Últimas Notícias

08/01/2021

Margem dos supermercados sofrerá pressão neste ano

A expectativa é de que os supermercados tenham fechado o ano passado com um crescimento real de 12%. A projeção é da FecomerciosSP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo) e tem como base a análise dos dados da PMC (Pesquisa Mensal do Comércio), realizada pelo IBGE.

Para alguns analistas que acompanham o varejo, o setor supermercadista deverá liderar o crescimento do comércio neste primeiro trimestre de 2021. Um dos motivos é que as pessoas ainda terão de manter as medidas de prevenção contra o coronavírus, o que inclui passar mais tempo em casa. 

Apesar do crescimento nas vendas, o custo poderá ser um desafio para o varejo alimentar. Fabio Silveira, sócio-diretor da MacroSector Consultores , acredita em uma maior pressão sobre os custos do setor. Segundo ele, isso pode comprometer a margem dos supermercados, que fica entre 25% e 30% – uma das menores do comércio, à frente apenas do segmento de combustível, com 15% a 20%. 


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2021 - Todos os direitos reservados