Últimas Notícias

13/11/2020

GPA vai mudar regra para fornecedores de ovos e carne suína

A partir de 2028, o GPA não comprará mais ovos de galinhas criadas em gaiolas de nenhum fornecedor. A companhia, dona de bandeiras como Extra e Pão de Açúcar, já havia se comprometido a deixar de comercializar ovos de galinhas engaioladas em suas marcas próprias até 2025. Ao final de ano, 30% dos ovos vendidos sob as marcas Taeq e Qualitá já serão oriundos de galinhas livres de gaiola. Há 4 anos, essa participação era de apenas 9%.

A iniciativa do GPA é mais um passo de uma grande companhia na valorização do bem-estar animal, tendência em aceleração no mundo todo. No início deste mês, o Grupo Mantiqueira, maior produtor de ovos no Brasil, anunciou que todas as suas novas granjas terão galinhas livres de gaiolas .

Com os fornecedores de carnes suínas, o GPA também vem estabelecando metas relacionadas ao bem-estar animal. Até 2028, nenhuma proteína suína vendida nas lojas terá passado por gaiolas de gestação. André Artin, gerente comercial, reconhece que a mudança não é fácil e nem rápida, no entanto é considerada plenamente possível.

A companhia varejista também incentiva o correto manejo dos animais em fazendas produtoras de frangos e bovinos.  


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2020 - Todos os direitos reservados