Últimas Notícias

17/03/2020

Sete passos para implantar o Orçamento Base-Zero

A Técnica de Orçamento Base-Zero (OBZ) pode ajudar a eliminar alguns gastos de uma vez por todas, principalmente aqueles que estão presentes por força da imobilidade, frequentemente por anos, e sem uma análise para saber se a empresa, de fato, precisa conviver com eles, conforme lembra o mentor financeiro  Marcelo Siqueira .

Formado em Economia pela FAAP e pós-graduado em Mercados Capitais pela USP, Siqueira lembra que, entre os pontos favoráveis, está a alocação eficiente de recursos, pois o OBZ baseia-se em necessidades e benefícios, auxilia a descobrir maneiras econômicas de melhorar as operações, ajuda na detecção de previsões infladas, identifica e elimina desperdícios, além de incentivar a olhar mais crítico a respeito da maneira como os serviços são prestados. Já na relação de aspectos desfavoráveis está o fato de você ter que justificar todos os detalhes relacionados às despesas, o que pode tornar a aplicação mais demorada e exaustivo que outros métodos tradicionais.

De acordo com o especialista, uma receita básica de implementação do OBZ pode seguir sete passos simples:

  1. Coloque na primeira linha a receita mensal líquida
  2. Liste todos os destinos do dinheiro, sem colocar nenhum valor inicialmente. Coloque como primeiro item da sua lista a categoria ‘Investimentos’. É possível que eles não caibam no seu orçamento hoje, mas é aí que essa técnica começa a ficar interessante
  3. Logo abaixo procure listar todas as categorias de gastos, ainda sem colocar nenhum valor, somente os nomes das categorias 
  4. As parcelas das dívidas e financiamentos também precisam estar nesse lugar, se for esse o caso. Note que até esse momento, o único valor que aparece na sua planilha é o da receita líquida. Pois bem, a soma dos seus gastos não pode ultrapassar a receita líquida
  5. Feito isso, é preciso começar a preencher com os demais valores. A primeira linha é a do investimento. Normalmente se trata o investimento como a ‘sobra’. É preciso inverter essa condição e se garantir primeiro.
  6. Quanto gostaria de separar todos os meses da receita
  7. Agora, é hora de fazer a conta de chegada. O que você vai fazer com a receita que sobra depois da parcela dos investimentos? O que realmente é prioridade ? 

ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2020 - Todos os direitos reservados