Últimas Notícias

07/06/2019

Como se manter produtivo depois das 3 da tarde

Cinco dicas para lidar com a queda de energia natural desse período do dia

Para a maioria das pessoas, manter o ritmo de trabalho depois das 15h é algo muito complicado. Essa queda de energia que muitos classificam como "preguiça depois do almoço" tem uma explicação. Os níveis do hormônio cortisol, fundamental no gerenciamento do estresse e na capacidade de resolver problemas, começam a cair por volta desse horário.

Nesse momento do dia, o organismo pede mais estímulos para se manter motivado. Resultado, minutos preciosos de trabalho começam a ser trocados por atividades prazerosas como espiadinhas nas redes sociais, pausas longas para o café, conversa com os colegas. No fim do dia, a consequência pode ser a não conclusão de tarefas importantes. Mas saiba o que fazer para não comprometer a capacidade produtiva durante as tardes.

1. Liste suas tarefas e estabeleça prioridades

“Um estudo recente publicado na Harvard Business Review revelou que completar uma tarefa significativa por dia aumenta a motivação e a satisfação no trabalho”, lembra Paulo Almeida, professor de Liderança e Gestão de Pessoas da Fundação Dom Cabral . A recomendação é estabelecer prioridades e ter como meta ao menos uma entrega diária.    

2. Faça pausas

Sim, elas são importantes, desde que regradas. Uma opção é adotar a "técnica Pomodoro", criada pelo executivo italiano Francesco Cirillo. É bem simples: trabalhe intensamente por 25 minutos e faça uma pausa de 5 minutos. A cada três ciclos, estabeleça uma parada mais longa, de pelo menos 15 minutos. Rubens Pimentel, professor de foco e produtividade da Inova Business School , recomenda que as pausas sejam dedicadas a  atividades sem relação com o trabalho, a exemplo de uma leitura agradável, um copo de água ou xícara de café. 

3. Desconecte-se por um tempo

Sempre que possível, dê um tempo na utilização de recursos tecnológicos. Por exemplo, desligando o celular por algumas horas. Se não der, pense em definir alguns momentos do dia para acessar o smartphone, conforme recomenda Rubens Pimentel, da Inova Business School.

4. Saiba recompensar a si mesmo

É natural a procrastinação quando as tarefas são chatas ou complexas. Para encará-las sem tanto estresse, defina recompensas atreladas ao cumprimento dessas atividades. “Por exemplo, ir ao cinema ao final do expediente ou fazer happy hour com os colegas depois da conclusão de um projeto em que todos estão envolvidos”, sugere Tathiane Deândhela, especialista em produtividade e autora do livro " Faça o Tempo Trabalhar para Você ".

5. Diga "não" quando for preciso

Negociar prazos é outra recomendação importante para se manter produtivo. Pimentel recomenda que, ao receber nova solicitação, o profissional informe sobre tarefas que está desenvolvendo e quando combinou de entregá-las, combinando com o gestor qual será a prioridade de conclusão. Afinal, nem sempre é possível assumir novas tarefas sem alteração no prazo daquelas que estão em andamento.


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2019 - Todos os direitos reservados