Últimas Notícias

16/09/2016

Supermercados Dia transformam denúncia em campanha publicitária

Supermercados Dia transformam denúncia em campanha publicitária

Longe de se desculpar ou ter medo de multa, a rede de supermercados Dia  afirma que sua campanha de venda de azeite de oliva na Espanha a 2,19 euros (R$ 8,20) é um sucesso. Justamente essa campanha foi motivo de denúncia por parte dos fabricantes junto ao Ministério da Agricultura, acusando a empresa de vender o produto abaixo do preço de custo.

Vender produtos abaixo do custo é ilegal na Espanha, por questões de concorrência e porque a prática gera uma forte pressão sobre os produtores – o primeiro elo da cadeia alimentar –, que acabam tendo suas margens reduzidas. Constitui também uma infração à lei de comércio varejista.

O azeite é um alvo habitual dessa manobra comercial. Mas não o único. O Ministério da Agricultura investigou a rede Dia em maio por vender leite a 20 centavos de euro (R$ 0,75), também abaixo do custo. Na ocasião, contudo, a empresa se desculpou afirmando que se tratava de um erro de publicidade num grupo específico de lojas.

Com a atual denúncia, a companhia não justifica a oferta como um erro. Ao contrário: optou por defendê-la como parte de sua estratégia crescimento. “Dia vendeu um total de 8 milhões de litros de azeite de oliva graças à sua campanha Los Preciazos (“Preços Imbatíveis”) realizada de 9 a 2 de junho e de 25 de agosto a 7 de setembro, cifra que representa um aumento de até oito vezes em relação ao que foi vendido nos mesmos períodos do ano anterior”, afirmou em comunicado.

No final de agosto, segundo informou o jornal El País, os engarrafadores de azeite de oliva denunciaram ante o Ministério da Agricultura essa nova campanha do grupo de distribuição para vender o azeite de sua marca própria a 2,19 euros o litro, levando em conta que os preços de compra na origem são de cerca de 3 euros (R$ 11,25) o quilo e que a média de custos de refino, industrialização, imposto e comercialização é de 0,50 euros (R$ 1,9) por litro. Os empresários do setor consideram que se tratava claramente de uma campanha de venda com prejuízo e pediram a atuação do Ministério, que dias depois afirmou que estudaria o caso.

A associação de agricultores e pecuaristas UPA manifestou sua indignação ante a reação da rede Dia, criticando-a por se orgulhar de vender por apenas 17,52 milhões de euros (R$ 66 milhões) um total de 8 milhões de litros de azeite de oliva. “Vender o produto com prejuízo vai acabar com o setor”, criticaram. “De onde conseguirão azeite quando não restem mais produtores de oliva para cultivá-lo?” A associação disse que continuará denunciando a prática e exigindo que o Ministério da Agricultura da Espanha e as regiões autônomas “multem devidamente” quem violar a lei.


ASPB - Associação de Supermercados da Paraíba
Av. Duque de Caxias, 20 Centro - João Pessoa - Paraíba | Fone: (83) 3221-9047
© Copyright 2008 - 2018 - Todos os direitos reservados